Hipertensão é uma condição que afeta, por ano, mais de 2 milhões de pessoas. Só no Brasil, atinge, aproximadamente, 30% da população. Conhecida popularmente como pressão alta, que é igual ou maior que 14 por 9, essa enfermidade pode se elevar por diversos motivos, mas um dos principais é quando os vasos sanguíneos se contraem.

Há fatores de risco, como obesidade, tabagismo e consumo em excesso de sal, mas o sedentarismo contribui muito também. Ou seja: atividade física é uma tática certeira, tanto para prevenir quanto para ajudar e muito no tratamento dessa doença. Afinal, praticar exercícios eleva de forma natural a pressão. Mas claro que é preciso acompanhamento e não fazer por conta própria, para evitar danos graves.

Então, sempre que começar qualquer atividade física certifique-se que seu professor irá lhe solicitar os exames e realizar testes ou avaliações para prescrever o melhor e mais seguro treinamento. Nos casos de hipertensão é extremamente necessário um acompanhamento personalizado.

Fique atento!